segunda-feira, 8 de agosto de 2016

A CABEÇA NO FUNDO DO ENTULHO - FERNANDO MONTEIRO

Resultado de imagem para A CABEÇA NO FUNDO DO ENTULHO
Li esse livro do escritor pernambucano Fernando Monteiro . São três historias, sendo que a primeira é um assunto que muito me interessa como museóloga
É um romance que eu li como se fosse uma novela. Conta a historia de um advogado paulista que trabalha numa causa relacionada a uma herança ganha por uma mulher italiana cujo pai vivia no Brasil e  que era um italiano  atravessador de obras  de arte roubadas para colecionadores nazistas. Um desses colecionadores vivia no Brasil e ao morrer deixa a coleção para a filha do atravessador e que ela só poderia vender algum quadro se fosse para melhorar o valor do espólio,  
A historia é boa. Apenas descrever os cenários de Roma me cansou um pouco.
Editora Record, 1999

3 comentários:

Carlos Faria disse...

Eu por mim gosto muito de descrições de Roma, uma cidade tão monumental e tão cheia de bairros populares tradicionais que se entrecruzam. Todavia à medida que fazia a sinopse só me ia recordando de um romance do Canadiano Robertson Davies "What's Bred in the Bone", o segundo livro da trilogia Cornish. Neste tem grande importância o tráfico de arte para a Alemanha nazi durante a guerra e onde Cornish se torna rico ao criar uma obra de arte, já não me lembro se clássica ou barroca" perfeita e a consegue introduzir no mercado. Por orgulho deixa uma pista para a falsificação para testa a inteligência dos peritos.
Sei que este escritor é pouco traduzido em Portugal, ao contrário de Espanha e de França, mas se estiver no Brasil ou o ler em inglês penso que essa veia de museu irá gostar muito.

Pedrita disse...

fiquei muito interessada pelo livro, principalmente pelo primeiro conto. obrigada por dividir essa preciosidade conosco. beijos, pedrita

DIARIOS IONAH disse...

Carlos Faria,
certamente Roma é interessante, porém a forma como ela é descrita
pode ou não agradar a um leitor. Eu não sinto a menor vontade de conhecer Roma!